Archive for 26 de dezembro de 2007

h1

Além das Promessas

dezembro 26, 2007

Clima de final de ano sempre é época de pensar nos atos cometidos. Mas do que isto é tentar consertar os erros anteriores no ano seguinte. E aí vêm as promessas. Quem nunca fez promessa de emagrecer? De passar por média no colégio ou na faculdade? De se tornar mais cristão? De ser mais útil na igreja? Acredito que todo mundo tenha “aquela” promessa que não cumpra. Não vou negar, a minha promessa sempre foi concluir o ano bíblico.

Engraçado que na última sexta o tema do pequeno grupo que freqüento foi justamente este: final de ano e tais promessas. A partir do debate fiquei pensando no seguinte: imagine se Jesus fosse como nós e não cumprisse as Suas promessas? Além da grande frustração, não sei qual seria a minha reação. Contudo, graças a Deus (só a Ele mesmo) que as promessas dEle se tornam e tornarão realidade. É bom saber que as Suas maiores promessas, a segunda vinda de Cristo Jesus e a vida eterna não são apenas promessas, mas realmente vamos poder ver a Sua face e o melhor de tudo, durante todo o sempre.

Na última mensagem do ano de 2007, desejo a todos: muita paz, amor, saúde, sucesso e principalmente muita COMUNHÃO com Jesus. Que em 2008 possamos viver além das promessas. Espero que possamos ter Jesus como exemplo nas nossas vidas e REALIZAR em vez de esperar. No ano que vem cumpra o que você tem sempre prometido e ainda não cumpriu. Sendo assim, você perceberá as bênçãos grandiosas. No início de 2008, aguardo ansiosamente os relatos de realizações e não de simples promessas.

Não violarei o meu pacto, nem alterarei o que saiu dos meus lábios.

Salmos 89:34

Abraços,

Taty.

Ps: Desculpem-me pelo atraso do post, mas espero encontrá-los ainda em muitas segundas de 2008.

h1

A Bíblia tem poder

dezembro 26, 2007

“Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus.”

Mateus 4:4

Há muitos anos atrás uma senhora, na Espanha, desejando fazer algo especial para o Senhor, decidiu distribuir Bíblias. Encontrou um pedreiro levantando um muro. Sabendo que ele nunca tivera uma Bíblia, deu-lhe uma, escrevendo nela o nome do pedreiro. O homem ficou sem jeito de rejeitar a oferta, mas quando a senhora saiu, resolveu: “Eu nunca vou ler isto e quero estar certo de que ninguém a lerá também.” Então apanhou a Bíblia e colocou-a entre as pedras do muro que estava levantando. Rebocou-a lá dentro, certo de que, pelo menos aquele exemplar estaria escondido para sempre.

Poucos anos depois, um terremoto atingiu aquela região. Um dos inspetores do Governo, encarregado de examinar os danos, encontrou uma fenda no muro. Procurando ver a profundidade para avaliar o grau do tremor, com grande surpresa encontrou a Bíblia. Cuidadosamente a tirou de lá. Folheou-a rapidamente e decidiu levá-la para casa.

Naquela noite começou a estudá-la e sentiu que estava lendo a Palavra de Deus. Algum tempo depois o inspetor estava de joelhos, agradecendo Jesus por ter morrido por ele. Entregou-se a Cristo e tornou-se um vendedor da Sociedade Bíblica, na Espanha, vendendo Bíblias de cidade em cidade.

Um dia, porém, ele aproximou-se de um pedreiro para vender-lhe uma Bíblia. O pedreiro contou-lhe que não tinha interesse algum em Bíblia, e como havia “sepultado” num muro a única que ganhara de presente. O vendedor de Bíblias ao ouvir isto, abriu sua bolsa e tirou a Bíblia que encontrara no muro rachado. Lançou um rápido olhar à página inicial onde havia um nome, mencionando então ao homem o nome dele. O pedreiro boquiaberto, sentou-se enquanto ouvia a história do ex-inspetor. Naquele dia, o pedreiro decidiu ler o estranho livro, pois jamais imaginara encontrar aquela Bíblia outra vez.

O poder da Palavra de Deus se fez presente quando o pedreiro aceitou a Cristo, após ter estudado as verdades bíblicas.

 

Quando examinamos as Escrituras com oração, nós encontramos a Cristo, pois Ele está estampado em cada uma de suas páginas. Assim, ao depararmos com Ele, encontramos os segredos de uma vida terrena feliz; além das promessas da vida eterna.

Leiam a Bíblia a cada dia, pois há em suas páginas poder para fazer-nos fortes contra as tentações, e também, jovens melhores.

Até a próxima semana,

Pr. Jeú