Archive for maio \24\UTC 2008

h1

E no princípio Deus

maio 24, 2008

Sentado sozinho, no quarto principal, podemos ver um homem de cabelos brancos e aspecto distinguível. É evidente que se sente só. As enfermeiras atendem a todas suas necessidades, mas ninguém se senta para conversar com Ele. Descobrimos que Ele é o fundador da casa de repouso, que tem muitos filhos, contudo estes raramente o visitam. Ocasionalmente o chamam, entretanto não falam muito. Ninguém o toca.

Sabe quem é esse ancião?

É Deus.

Você crer que Deus pode alguma vez se sentir assim? Ele criou o mundo, nos deu a vida, salvação e muitos outros deleites, mas pouco de seus filhos alguma vez o agradecem, ou lembram-se dele. Sim, claro, milhões de anjos o rodeiam, mesmo assim, Ele deve sentir-se solitário. Estranhando seus filhos humanos distantes que passam muito pouco tempo em sua companhia.

Mudemos a cena. Imagine esse cavalheiro de cabelos brancos com um gato no colo. Ele o acaricia, e o gato se sentem bem e coloca sua cabeça contra a mão de seu amo. O homem solitário já não se sente só. Agora encontrou um amigo. Ainda que essa criatura peluda não pode satisfazer suas necessidades intelectuais, mas pode satisfazer as de afeto e amor. E você pode estar certo de que o gato recebe a melhor comida e o melhor cuidado do seu amigo.

Deus deseja o companheirismo de seus filhos, as ovelhas de seu rebanho, tal como eu e você desfrutamos de tempo que passamos com nossos “animais”.

O que Deus quer de nós em primeiro lugar? Bom, o que deseja um pai de um filho ou um animal de seu dono? Serviço? Não, amor! O que Deus mais quer de nós, é nossa companhia, nossa afeto. Às vezes Deus deve sentir-se como a proverbial esposa solitária, cujo marido sempre está distante viajando e nunca tem tempo par estarem juntos. Deus quer que passemos tempo com Ele.

“No princípio Deus”. Esta é uma receita para o êxito espiritual. Deus é o princípio, transformou o caos em um jardim. “No princípio Deus” é um lema de vida. Busquemos a Deus a princípio em cada dia para que Ele possa regenerar as profundas correntes de nossa alma por meio do mesmo poder que criou as águas e tudo que nelas há.

Adaptado do Livro Pasión por la Oración, ACES, 2006

h1

“A Cruz que era minha”

maio 19, 2008

No último sábado, a igreja que freqüento deu início a III Jornada Espiritual. Desde então, tenho acordado durante as madrugadas para buscar a Deus. Participei da I Jornada e foi o melhor momento de comunhão que tive na minha vida. Esta última é focada no Espírito Santo e tem demonstrado que novamente vou ter esses momentos. Não é fácil acordar no meio da noite, realmente não é mesmo. Mas uma hora que você passa apenas lendo e refletindo no amor de Jesus é mais válido que o “sagrado” sono.

Só para começar, ser acordado pelo Espírito Santo te chamando pelo nome me lembra a história de Samuel, quando foi chamado. É uma sensação incrível. Realmente parece que tem alguém do seu lado, e esta maravilhosa experiência só passando para saber.

Na lição de hoje, algo me tocou profundamente. Antes mesmo de ler o título (A Cruz que era minha) fiquei pensando em “n” coisas, mas a minha mente não conseguia parar de pensar na verdade: a cruz que Jesus carregou não era dEle, era nossa. Adão e Eva pecaram e para não sofremos eternamente com a culpa deles, Cristo deu a Sua vida para nos livrar. Deu-nos total arbítrio para escolher se realmente é a Ele que amamos. Porém, depois de compreender isto ficou totalmente impossível não amá-Lo.

Gente, a Segunda Vinda de Jesus está próxima. Fico bastante triste quando percebo pessoas brincando de ser crente. Não estou julgando ninguém, até porque também tenho minhas falhas, mas já não é mais tempo de fingimento. Repito a frase do Pastor José Amorim, que realizou a semana de oração lá na igreja: Não pense que porque você é jovem que pode ficar usando este argumento para pecar. José também era jovem quando deu um grande exemplo cristão e não precisou de seu pai para mostrar que ele sabia que haveria um Cristo para sangrar por ele.

Portanto, pense nas suas atitudes e avalie se elas condizem com a sua vida cristã. É hora de aceitá-Lo. Amar a mensagem da Cruz, de um Deus poderoso, e que mais uma vez ressalto, o único a dar a vida eterna por VOCÊ.

h1

Àgua X Coca-Cola

maio 13, 2008

75% dos Americanos estão cronicamente desidratados (Assim como metade da população mundial.). 

Em 37% dos Americanos, o mecanismo da sede é tão fraco que é muitas vezes confundido com fome. Mesmo uma desidratação LEVE irá desacelerar o metabolismo de uma pessoa em até 3%.

Um copo de água desfez acessos noturnos de fome para quase 100% das pessoas em dieta de um grupo de estudo da Universidade de Washington. Falta de água é o gatilho número 1 da fadiga diurna.

Pesquisas preliminares indicam que 8 a 10 copos de água por dia podem diminuir significativamente as dores nas costas e juntas para aproximadamente 80% das vítimas desses males.

Uma simples queda de 2% no volume de água no corpo pode disparar efeitos de”nebulosidade” na memória, dificuldades com matemática básica, e dificuldade em focar a visão em telas de computador e páginas de texto impresso.

Beber 5 copos de água diariamente diminui o risco de câncer no cólon em 45%, e pode reduzir o risco de câncer de mama em 79% e deixar a pessoa com 50% menos risco de desenvolver câncer na bexiga.

Você tem bebido a quantidade de água ideal para o seu organismo todo dia? Coca-Cola é isso aí! Em muitos estados Americanos, patrulheiros rodoviários carregam dois galões de Coke na viatura para remover sangue do asfalto depois de um acidente de carro…

Você pode pôr um bife em uma vasilha com Coca-Cola e ele desaparecerá em dois dias. Para limpar uma privada: Despeje uma lata de Coca-Cola no vaso sanitário e deixe por uma hora, depois dê descarga. O ácido cítrico contido na Coca-Cola remove manchas em porcelana.

Para remover manchas em pára-choques cromados de carros antigos: Esfregue a peça com um pedaço de papel alumínio amassado embebido em Coca-Cola.

Para remover a corrosão nos terminais da bateria do carro: Derrame uma lata de Coke sobre os terminais e veja a sujeira desaparecer em meio às “borbulhas”…

Para soltar um pino enferrujado: Aplique um pano esopado de Coca-Cola ao pino por vários minutos. Para assar rapidamente um presunto: Esvazie uma lata de Coca-Cola na assadeira, embrulhe o presunto em alumínio e asse. Trinta minutos para retirar. Deixe a gordura que se soltou do presunto se misturar com a Coca para um delicioso (e mortal) molho.

Para remover gordura das roupas: Esvazie uma lata de Coca em um monte de roupas sujas, adicione detergente e deixe lavar em um ciclo normal da máquina. A Coca-Cola soltará as manchas de gordura. Coca também remove aquela sujeira que gruda no pára-brisa do seu carro depois de uma viajem.

Para sua informação: O ingrediente ativo da Coca-Cola é o ácido fosfórico. Seu PH é de 2.8. O suficiente para dissolver um prego em 4 dias. Para carregar o xarope da Coca-Cola (o concentrado que é dissolvido em água gaseificada para produzir o refrigerante) o caminhão de carga deve usar a sinalização de “Material Perigoso” reservada a materiais altamente corrosivos.

Os distribuidores de Coca-Cola têm usado o produto para limpar os motores de seus caminhões por mais ou menos 20 anos! Ainda quer curtir o sabor? “Beba Coca-Cola!”

Abraços
Vinicius A. Miranda

h1

Domando a telinha

maio 7, 2008

Plim plim! Do início ao fim de cada dia, quantas pessoas não gastam uma boa parte do seu tempo ligadas neste som e conectadas às suas imagens? Sem fugir a esta realidade, às  vezes eu paro para pensar no tamanho da influência que esse tempo passado na frente da TV vai ter na vida, principalmente dos jovens.

Se a gente parar para analisar, a programação diária, de ponta a ponta, por melhores que sejam alguns programas, a quantia de lixo mascarado que é jogada sobre a mente é grande demais. E a maior parte de nós, ligados nas emoções dos programas que assistimos, não damos bola para o impacto que estamos recebendo. Imagem/divulgaçãoNão esqueça: “uma imagem, vale mais do que mil palavras” principalmente para influenciar o subconsciente, o  comportamento e em conseqüência a vida. Por isso, quero deixar para você refletir, e depois agir, nove motivos porque  compensa domar a telinha, ou seja, ter critérios definidos e fortes para com os programas de televisão.

 
1. A TV estimula o isolamento e reduz a sociabilidade; inibe a criatividade o envolvimento e a curiosidade.
2. A TV limita o crescimento da capacidade cerebral, pois a maioria dos programas não exigem participação ativa do telespectador. 
3. A TV apresenta programas que criam falsas idéias, alienando a pessoa da realidade.
4. A TV expõe excessivamente o telespectador à violência e à pornografia.
5. A TV rouba o envolvimento com leituras, estudo, esportes, e outras formas de lazer,pois prende a pessoa por horas a fio.
6. A TV ocasiona a fadiga ocular.
7. A TV produz programas com mensagens dúbias, que a personalidade tem dificuldade de discriminar e selecionar.
8. A TV induz a comportamentos inadequados que se tornam aceitos, pelas circunstâncias como são apresentadas.
9. A TV é um grande estímulo à moda, aos vícios e ao consumismo.
 
Diante dessa situação, é hora de parar para pensar, e tomar algumas atitudes. A primeira delas é a de domar, e não ser domado pela telinha. Ao invés de se assentar na frente da TV e deixar o tempo passar, você precisa começar a escolher os programas que valem a pena ser assistidos, assisti-los com senso crítico, e o melhor, começar a ocupar o seu tempo vago com coisas mais construtivas.
 
Diante disso, o conselho de Paulo, cai muito bem. Ele diz, inspirado por Deus: “Quanto ao mais irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto…(veja as outras características) que isto ocupe o vosso pensamento.” (Filip. 4:8). Se você mudar para melhor o tipo de influência que age sobre seus pensamentos, todas as outras mudanças que você busca para sua vida se tornarão mais fáceis, porque a sua ligação com Deus vai ser desobstruída.
 
A escolha é sua! É difícil? Sem dúvida que sim, mas se você buscar o poder de Deus, Ele vai lhe ajudar a quebrar todas as barreiras, e o impossível vai se tornar real. Este é só um empurrãozinho, mas vá a luta, quem vai ganhar será você!

Abraços
Vinicius A. Miranda
h1

Falta de princípios

maio 2, 2008

Na segunda-feira passada, os que assistiram um pouco de televisão puderam perceber o que passava na maior parte dos canais ou então nas propagandas flashs do que estava acontecendo no edifício London, na Zona norte de São Paulo. A simulação ou reconstituição do crime. Este que marcou o Brasil, e mesmo se não marcasse é uma das coisas que mais está se falando na imprensa. Sim, mas o que teria acontecido com Isabella? Seu pai, sua madrasta ou um terceiro teria jogado-a do sexto andar? A menina desceu com uma velocidade de 72km/h em menos de 2 segundos ela estava no térreo. Aqui não quero falar quem fez o crime, isso não importa agora. A justiça está investigando, e queira Deus que a verdade possa ser descoberta.

O nome do post: “Falta de princípios”, mas o que isso tem a ver com o Caso Isabella? Tudo! Ou pelo menos devia ter. Princípio é algo que todos nós devíamos semear em nossas vidas, algo em que acreditamos e que ninguém aqui na terra poderá tirar de nós. Não roubar, por exemplo, é um mandamento mas também pode ser um princípio. No trabalho, colégio devíamos ter sempre em mente que não somos movidos pelo que vemos, mas pelo que cremos. Algo me marcou na segunda-feira da simulação do crime foi em saber que vários populares iam para perto do edifício London não para ver se a justiça estava sendo cumprida, mas para vender churrascos, sorvetes, para realmente se aproveitarem da oportunidade de ter várias pessoas por ali. Tiveram até políticos que foram deixar seus folders. Seria aproveitamento? Não estou querendo dizer que nas imediações do edifício só teriam pessoas aproveitadoras, claro que alguém ali estava seriamente.Mas, para que dizer que está querendo justiça e não ter princípios consigo mesmo?

Quantas “Isabellas” são mortas diariamente? Claro que não são jogadas de prédios, mas diversas pessoas morrem por fatos banais, por que será tudo isso? Na cidade do Recife nos dois primeiros meses do ano de 2008 há uma média de mais de 20 mortos por dia. Muita violência? Será que tem solução?

Em meio há tantas tragédias, fatos que nos fazem repensar o valor da vida devíamos pensar o quão pequeno somos e olhar para aquele que sempre está lá quando precisamos: Deus. Quem irá saber se a justiça irá realmente ser cumprida com relação a Isabella? Não sabemos, mas sabemos que existe Alguém que sabe todas as coisas e é justo no que faz. E é nEle que devíamos nesses momentos nos voltar. Pense em Deus nesses momentos…

Meditemos na letra seguinte:

Virando a página
Para um novo amanhecer
Reorganizando o que é certo ou errado
Temos andado tão longe
Da verdade que não podemos voltar
Voltar ao lar que nos deu luz
Onde estão as leis que nos governam
Se acordarmos e olharmos pra trás
Somente para encontrar
O que temos perdido
Vamos voltar aos princípios da vida
Um coração puro, um amor verdadeiro
Uma fé que é ardente
Fundamentada em Deus
A esperança que dura pra sempre
Esses são os princípios da vida
Vamos voltar aos princípios da vida
Se os problemas dessa vida o afligirem
Somente ore e acharás a solução
Muitos não sabem que Ele existe
E que está aqui
Mas eu acredito, acredito na cruz
Eu acredito há esperança para nós
Ele é a Rocha que nos sustenta,
Sempre O exaltarei
Temos deixado a escuridão nos invadir
Vamos olhar a eterna luz
Nós precisamos dos braços do Pai
Basta à Ele se entregar
Você não pode esperar

Composição: D.R./ Versão: Communion

Franzé Jr.