Archive for 22 de dezembro de 2008

h1

Sofrendo consequências do sexo antes do casamento

dezembro 22, 2008

Gosto de ajudar os jovens em minha igreja. Estou me sentindo incomodada, pois tenho
me envolvido sexualmente com meu namorado, e isso me deixa sem moral para falar
qualquer coisa a eles.

O que eu devo fazer? Terminar o namoro? Casar logo?

Já tentei terminar, mas não consigo. Eu o amo. Quero casar, mas ainda não temos
condições.

Me ajude!

MINHA RESPOSTA PARA VOCÊ:
Vejo que você está super angustiada. Mas fico tranqüilo em notar que você também está super
consciente e buscando uma vida correta.

O que aconteceu entre você e seu namorado realmente tem de ser superado. Não creio que
você deva terminar o namoro só por isso. Se ele é uma pessoa que você ama, e sente isso dele
também, creio que vocês tem de buscar ajuda, fazer um esforço especial e decidir não cair
mais. Essa decisão é necessária em função da salvação e do futuro casamento de vocês.
Casamentos que iniciam errados vão pagar um preço muito alto. Por isso, também, é importante
corrigir as coisas agora.

Não creio, também, que você deva deixar de ajudar os jovens de sua igreja. Se você está
consciente da queda, pediu perdão a Deus, decidiu mudar, o passado deve ser apagado. Se
você “sumir”, ai a igreja vai imaginar que está acontecendo alguma coisa, e o problema vai ficar
maior. Quando a gente está em falha, o que mais precisa é estar envolvida com as coisas de
Deus, a não ser que a igreja peça um afastamento.

Se vocês não conseguirem resistir, ai sim eu creio que você pensar em terminar o namoro, ou
outra atitude mais dura. Continue trabalhando, os jovens precisam. Continue firme em sua
decisão, pois Deus pode fazer de vocês um casal forte e feliz.

Os outros podem até ver em você uma pessoa – modelo, mas não fique angustiada. Deixe
sempre claro que o melhor modelo é Cristo. Você pode ser falha, mas mesmo assim é especial
para os outros. Encare desta forma e relaxe.

Ai vão algumas dicas que, pela graça de Deus, podem ajudar a resistir à tentação:
1. Se envolva em atividades físicas para gastar as “energias acumuladas” que acabarão
pressionando pelo sexo.
2. Planeje bem seus encontros, criando sempre atividades diferentes. A rotina abre as portas
para o prazer, e para a tentação.
3. Evite literatura, músicas, conversas ou filmes com apelos sensuais.
4. Tenha uma amiga para quem você possa contar suas lutas e buscar apoio.
5. Evite ficar sozinha com o namorado por muito tempo.
6. Gaste tempo meditando nas coisas de Deus para ser “transformado pela renovação da
mente” (Rom. 12:2). Bons pensamentos geram boas atitudes.
7. Ore sempre pedindo forças. A oração traz transformação.
8. Faça um compromisso com você mesmo e com Deus. Ele não falha.

Espero que estas orientações lhe ajudem.

Maranata!
Erton Köhler

h1

Mentirinha de Davi

dezembro 22, 2008

Mentirinha de Davi

Tenho lido ultimamente a história de Davi e muito tenho me impressionado. Gostaria de compartilhar com vocês o seguinte episódio da vida dele:

Davi estava fugindo de Saul, porque este queria matá-lo:

“ Davi não sabia para onde fugir em busca de refúgio, a não ser para o servo de Deus [Aimeleque]. O sacerdote olhou para ele com espanto, ao chegar à pressa, e aparentemente só, com o rosto assinalado pela ansiedade e tristeza. Indagou o que o levava ali. O moço estava com receio constante de ser descoberto, e em sua perplexidade recorreu ao engano. Davi disse ao sacerdote que fora enviado pelo rei com uma incumbência secreta, a qual exigia a máxima diligência. Nisto manifestou falta de fé em Deus, e seu pecado resultou em ocasionar a morte do sumo sacerdote. Tivesse declarado plenamente os fatos, e teria Aimeleque sabido o que fazer para lhe preservar a vida. “ Patriarcas e Profetas, págs. 655 e 656

Essa foi uma mentirinha que Davi contou. E olha o que nosso Deus acha disso. O texto continua dizendo:
“Deus exige que a veracidade distinga Seu povo, mesmo no maior perigo.” Patriarcas e Profetas, pág. 656

Não importa em que situação estejamos. Não importa se é uma mentira grande ou pequena. De todas as formas, a mentira é a transgressão de um mandamento de Deus. (9° mandamento: “Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.” Ex. 20:16) E quando se quebra um mandamento, a Bíblia fala que toda a Lei é transgredida. Lei essa que representa o caráter de Deus.

Abraço,

FSM