h1

Empurradores de Pedra

março 12, 2010

Após assistir à pregação do líder mundial de jovens, Pr. Baraka Muganda, no 3º campori de desbravadores da União Nordeste, em Natal – RN, pude refletir de uma forma mais aprofundada nas passagens bíblicas que relatam a história de Lázaro. Em 44 versos, João nos fala sobre o milagre da ressurreição de Lázaro, a quem Jesus muito estimava. Ao chegarem em Betânia, Jesus e seus discípulos, Lázaro jazia no sepulcro há 4 dias. Mas por que isso aconteceu? Por que Jesus permitiu que Lázaro, seu amigo, fosse levado pela morte?

Jesus queria mostrar com esse acontecimento que Ele é a ressurreição e a vida, Jesus queria mostrar que Ele estava no comando, Ele queria mostrar o que acontece quando permitimos que Ele trabalhe em nossa vida. Ao chegar no lugar do sepulcro, Jesus ordena que a pedra seja retirada, ao passo que Marta, irmã de Lázaro, questiona tal atitude, pois o corpo, após 4 dias, já cheirava mal. Refleti nesses versos por um momento, e me perguntei: Por que Jesus não retirou Ele mesmo a pedra? O que Jesus queria ensinar com tal ordem?

Nosso limitado entendimento não nos deixa ver além de uma simples ordem. Jesus, ao ordenar que a pedra seja retirada, deixa claro que, para o milagre ser feito, precisamos fazer a nossa parte. A pedra poderia ser retirada por mãos humanas, nós mesmos podemos empurrar a pedra de nossa vida. Marta questiona sobre o mal cheiro causado pela decomposição do corpo. Mais uma vez, podemos ver simbolismos na história de Lázaro. Muitas vezes nossa própria história cheira mal, por vezes nos sentimos envergonhados, nos achando indignos de ir à presença do Mestre, por achar que não merecemos seu amor, não merecemos sua misericórdia. Jesus não queria saber se o corpo cheirava mal, Ele apenas queria que a parte que competia aos homens fosse feita, pra que a parte que competia a Ele fosse realizada.

A pedra precisava ser retirada para que o milagre acontecesse. Muitas vezes parece impossível ir à presença de Jesus, pedir perdão, por vezes o passado nos persegue, o mal espreita à porta, mas nesse momento, precisamos nos lembrar dos ensinamentos do Mestre.

Precisamos ser fortes, Ele apenas quer que façamos a nossa parte, não importando como vamos à Sua presença, não importando a nossa história, não importando quem fomos. Ele pede que empurremos a pedra de nosso duro coração, para que possa entrar e fazer morada em nós, realizando milagres em nossa vida. É só isso que precisamos fazer, a parte difícil, certamente, podemos contar com o poder de Jesus.

Que tal começarmos esse exercício, de retirar as pedras de nosso coração, um dia de cada vez?

Priscila Serbim

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: