h1

Abraão

abril 12, 2010

Abraão

“Depois destes acontecimentos, veio a palavra do Senhor a Abrão, numa visão, e disse: Não temas, Abrão, Eu sou o teu escudo, e teu galardão será sobremodo grande. … Então, conduziu-o até fora e disse: Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes. E lhe disse: Será assim a tua posteridade. Ele creu no Senhor, e isso lhe foi imputado para justiça. Gên. 15:1, 5 e 6.

Deus queria que Abraão fosse um conduto de luz e bênção, que ele tivesse uma influência agregativa, e que Deus tivesse um povo sobre a Terra. Abraão devia estar no mundo, refletindo em sua vida o caráter de Jesus. Quando recebeu o chamado divino, Abraão não era um homem famoso, nem um legislador ou conquistador. Ele era um simples criador de gado, que habitava em tendas, mas empregava um grande número de trabalhadores para levar avante sua humilde ocupação. E a honra que ele recebeu foi devido a sua fidelidade a Deus, estrita integridade e procedimento justo.

O Senhor disse a seu respeito: ‘Ocultarei a Abraão o que estou para fazer, visto que Abraão certamente virá a ser uma grande e poderosa nação, e nele serão benditas todas as nações da Terra? Porque Eu o escolhi para que ordene a seus filhos e a sua casa depois dele, a fim de que guardem o caminho do Senhor, e pratiquem a justiça e o juízo; para que o Senhor faça vir sobre Abraão o que tem falado a seu respeito.’ Gên. 18:17-19.

A vida altruísta de Abraão tornou-o realmente um ‘espetáculo ao mundo, aos anjos, e aos homens’. I Cor. 4:9. E o Senhor declarou que abençoaria os que bendissessem a Abraão, e puniria os que o maltratassem ou prejudicassem. Por meio da experiência de Abraão em sua vida religiosa, tem sido transmitido um correto conhecimento de Jeová a milhares de pessoas; e a sua luz lançará seus raios ao longo do caminho dos que praticam a piedade, a fé, a devoção e a obediência de Abraão.

Abraão teve conhecimento de Cristo; pois o Senhor o esclarecera quanto ao Redentor do mundo. E ele fez saber a sua casa e a seus filhos que as ofertas sacrificais prefiguravam a Cristo, o Cordeiro de Deus, que seria morto pelos pecados do mundo. Assim, ele reuniu conversos para crerem no único Deus vivo e verdadeiro.”

Youth´s Instructor, 4 de março de 1897.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: