h1

Funções e a Vida Espiritual

setembro 17, 2010

Em alguns próximos posts vou fazer algumas analogias com as Ciências Exatas e da Terra. Vou começar fazendo uma comparação entre nossa vida espiritual e uma função constante, primeiramente, gostaria de agradecer ao Christian que me deu grande parte da ideia deste post.

Nesse primeiro vou fazer uma comparação com algo que é muito estudado. Funções.

Se você não gosta de matemática, mesmo assim, leia esse post até o final, pois ele terá sentido quando você terminar de lê-lo.

O que é uma função constante?

Para você que não sabe o que é isso, ou até mesmo, não se lembra…Aí vai a definição:

Uma função é dita constante quando é do tipo f(x) = k, onde k não depende de x .
Exemplos:
a) f(x) = 5
b) f(x) = -3

Nota : o gráfico de uma função constante é uma reta paralela ao eixo dos x .

Uma função constante é uma função do primeiro grau(ou afim).

O coeficiente angular da função do primeiro grau ou afim(uma reta) diz como a reta irá se comportar, se ela será crescente ou decrescente.

Dois exemplos:

Função Crescente e Decrescente

O que isso tem a ver com nossa vida espiritual?

Nossa vida espiritual pode estar ascendente, ou seja, uma função afim crescente, e pode estar descendente, ou seja uma função afim decrescente. Sabemos muito bem disso. Existem momentos em que estamos muito bem espiritualmente, já em outros momentos não estamos.

E o que tem a ver a função constante com isso? Nossa vida espiritual nunca é uma função constante, ela nunca está “parada”, você não pode dizer que um ato seu não está ‘te afastando’ nem te ‘aproximando Deus’, não existe isso. Só existem duas formas: Ou você faz algo para glorificar o nome de Deus ou não. Não há meio termo.

E dessa forma, tudo que nós façamos, é preciso que nos perguntemos: Isso está me afastando ou me aproximando de Deus? Pois agora você já sabe que um ato seu ou TE APROXIMA DE DEUS ou NÃO. Não dá para ficarmos em cima do muro.

Franzé Jr.

Anúncios

3 comentários

  1. muito bom, excelênte post

    nos ajuda a abrir os olhos.. =]


  2. Eu diria então que a vida do cristão parece com uma função senóide.
    =)

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Senoide


    • Se a vida cristã for uma função senoide ou qualquer outra eu diria a todos boa sorte.

      E todos iriamos precisar de muita sorte, pois estariamos a mercê dela na horada morte, na volta de Cristo. Caso estivessemos na parte de baixo isso significaria perdidos ou longe de Cristo (que no fim é o mesmo).
      Estariamos a merce da sorte na hora decisiva do Cristão.

      A vida do cristão esta mais para uma linha reta e contínua (quando vemos os profetas/apostolos fora desta continuidade que o cristão deve ter, vemos eles em confusão e pecado) a vida deles sempre foi contínua, em alguns casos cairam, porém logo após voltaram para a linha reta que levava ao objetivo de forma mais rapida e segura.

      A cada dia podemos decidir o que vamos fazer e podemos (devemos) sim saber se o que estamos fazendo vai honrar o nome de Deus ou não.

      (alima.et@hotmail.com)



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: