Archive for 8 de julho de 2011

h1

Por que adorar?

julho 8, 2011

Há muitos que não entendem por que o homem natural tem uma necessidade constante de adorar. Pensam que adoração só é uma válvula de escape para preencher o vazio interior de alguns humanos. Chegam até a afirmar que esse sublime ato não passaria de uma ação destinada a saciar o ego de um Deus com problema de autoestima. No entanto, um estudo mais atencioso de alguns dados históricos e bíblicos nos dará uma visão mais clara a respeito do assunto.
Não é preciso ser um doutor em História para saber que as comunidades indígenas pré-colombianas da América Espanhola já praticavam a adoração antes do contato com o europeu.
Sobre a religião dos Maias se diz:

“A religião assemelhava-se à de outros povos da região, cultuavam divindades ligados à caça, à agricultura e os astros. Os maias acreditavam que o destino do homem era regido pelos deuses, e para eles ofereciam alimentos,sacrifícios humanos e animais.”

http://www.coladaweb.com/cultura/cultura-maia,-asteca-e-inca-pre-ocidentalizacao
Já sobre os Incas conta-se:

“A religião tinha como principal deus o Sol (deus Inti). Porém, cultuavam também animais considerados sagrados como o condor e o jaguar. Acreditavam num criador antepassado chamado Viracocha (criador de tudo).”

http://www.suapesquisa.com/astecas/
Enquanto a respeito dos Astecas é dito:

“Os mitos e ritos astecas eram muito ricos e variados, e relacionavam-se com a natureza. Os cultos mais importantes sempre envolviam o Sol. Eram muito comuns rituais com sacrifícios humanos; a guerra, portanto, era uma grande fornecedora de prisioneiros para os sacrifícios.Geralmente toda a energia da comunidade estava canalizada para asatividades ritualísticas, realizadas com uma série encenações e procedimentos minunciosos.”

http://www.coladaweb.com/historia/astecas,-incas-e-maias
Dos excertos acima, surge um questionamento bastante perspicaz: quem ensinou tais povos a adorar se eles ainda não tinham qualquer conhecimento da fé cristã? A resposta vem da Bíblia:

“Eu sou o Senhor, o teu Deus, que te ensina o que é útil e te guia pelo caminho que deves andar” Isaías 48:17
“Eu sou o Senhor, e não há outro; fora de mim, não há deus; eu te cingirei(estarei ao teu redor), ainda que tu não me conheças” Isaías 45:5

Deus colocou no coração do homem uma necessidade incontrolável de adorar, porque criou o homem para ser um ser eminentemente espiritual. Afinal, o maior desejo de Deus, desde a Criação, é que o homem refletisse o Seu caráter. Por isso, “criou Deus o homem à Sua imagem; à imagem de Deus o criou…” Gênesis 1:27 Qual, pois, é o traço mais marcante do caráter de Deus?
“Ora, o Senhor é Espírito…” II Coríntios 3:17 “Deus é Espírito; e importa que os que O adoram O adorem em espírito em em verdade.” João 4:24

Deus não é  espírito somente no sentido físico, mas Ele é espírito, sobretudo, no sentido pleno da palavra. Ele é o único Ser de onde emana toda a verdadeira espiritualidade. É também o único cujo caráter é essencialmente  espiritual. Por esses motivos nos criou como seres eminentemente espirituais, a fim de que nos tornassemos mais parecidos com Ele. Qual  foi, então, o meio que Ele nos deixou para alcançarmos esse propósito?

A adoração, é claro!


Quando adoramos a Deus não dizemos somente que Ele é bom, digno, primeiro e único de nossas vidas, mas dizemos principalmente que queremos pertencer a natureza santa, pura e espiritual que só Ele possui. Isso não significa que queremos ser deuses, mas simplesmente que desejamos refletir um pouco de Deus em nós, o que é perfeitamente possível através da obra do Espírito Santo em nós.

“Mas todos nós, com cara descoberta, refletindo, como um espelho, a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória, na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.” II Coríntios 2:18


Dessa forma, Deus colocou em nós a vontade de adorar, para que, ao procurarmos nos assemelhar a Ele, tenhamos sempre o desejo de buscá-Lo.Ele faz isso não porque precisa de nossa adoração para ser quem é – afinal, Deus se basta em si mesmo; “EU SOU O QUE SOU” Êxodo 3:14 – mas porque Ele ama estar bem pertinho de nós ” …vos levarei para mim mesmo, para que, onde eu estiver, estejais vós também.” João 14:3


Deus não tem problema de ego, pois, ainda que nenhum ser humano O adore, toda a criação do UNIVERSO O adorará!

“Os céus proclamam a glória de Deus eo firmamento anuncia a obra d as suas mãos. Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outr noite. Sem linguagem, sem fala, ouvem-se as suas vozes em toda a extensão da terra, e as suas palavras, até o fim do mundo” Salmo 19:1-4


“Só Tu És Senhor, Tu fizeste o céu, o céu dos céus e todo o seu exército, a terra e tudo quanto nela há, os mares e tudo quanto neles há; e Tu os guardas em vida a tos, e o exército dos céus Te adora.” Neemias 9:6


Por isso, adoramos a Deus não para suprir um vazio existencial, mas para saciar uma necessidade essencial. Assim como os anjos, os céus, a terra, os mares e os animais, o ser humano também precisa de Deus.

“Como o cervo brama pelas correntes das águas, assim susspira a minha alma por ti, ó Deus!” Salmo 42:1


O problema é que o ser humano não quer reconhecer a sua dependência de Deus, o que acaba, muitas, vezes, levando-o a se machucar.

“Disseram os néscios no seu coração: Não há Deus. Têm-se corrompido, fazem-se abominações em suas obras, não há ninguém que faça o bem.” Salmo 14:1


Conquanto Deus saiba que o ser humano sem Ele só  irá se ferir, jamais o Senhor o obriga adorá-Lo. Em uma clara demonstração de respeito pelas decisões humanas, Deus permite que adoremos aquilo que quisermos. Retomando os excertos a respeito dos povos indígenas pré-colombianos, percebemos, com clareza, que o instinto de adoração existia plenamente, mas o destinatário da adoração era torpe.
Basicamente, Incas, Maias e Astecas adoravam as forças da natureza. Hoje, há muitos que adoram o próprio EU. O instinto de adorador existe, mas aquele que recebe adoração ainda é impróprio. Cabe, hoje, decidir, diante desse fatos, a quem adorar.

“Escolhei hoje a quem sirvais: se os deuses a quem serviram os vossos pais, que estavam dalém do rio, ou os deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém, eu e a minha casa serviremos ao Senhor.”Josué 24:15


Deus te abençoe!